9 de janeiro de 2011

Engula mas não peque

Desenho de Amanda Balice
Engula-me como um índio antropofágico, engula-me como um operário é engolido pela máquina. Quem sabe dentro de alguém eu consigo me sentir de fato viva em meio a essa multidão que já me engoliu (...)

2 comentários:

  1. Se sentir vivo depois de ser engolida é dificil...

    melhor é engolir-se a si mesmo

    ResponderExcluir
  2. Também atrás de alguém que me engula...

    ResponderExcluir